party and bullshit lá em casa

09 de Julho de 2012
Saint-Gervais-la-Forêt – Chailles

Depois do piquenique, retornei ao carro de Messieur Carret (dessa vez com Frances, Luisa e Baptiste) e fomos para Saint-Gervais-la-Forêt.

Baptiste não parou quieto um minuto sequer. Quando não estava cutucando Luisa, estava fotografando coisas estranhas, tipo as testas as pessoas. Cheguei a oferecer um pouco d’água pra ver se ele se acalmava e quando aceitou, percebi um problema: NEM ÁGUA domava aquela peste!

olha aí a peste

Olha bem para a cara desse menino

Já em nosso destino, paramos em um parque e ficamos nos divertindo ali. O objetivo inicial era que todos jogassem basquete, mas com nem todo mundo (eu!) gostava/sabia jogar, estes ficaram fazendo coisas alternativas.

scrapee.net_20130820202650Mi4b

Uma das alternativas ao basquete foi o passeio na floresta que fiz com Musti, Irvine, Roman, Leo e Toinon:

DSCN0557

DSCN0558
Às 19h30 voltei para casa e comecei a ajudar nos preparativos da festa de 16 anos de minha sœur. O tema era “O Acampamento da Romane” e por isso, todos os convidados deveriam levar suas tendas para que passassem a noite em nosso jardim.

convidados

convidados

Aí você me pergunta: quais são as diferenças entre a festa de aniversário brasileira e a francesa, Laís?

Não posso generalizar, pois, se não me engano, essa foi a única festa que fui na França. Não sei, então, se todas seguem o mesmo padrão ou se a festa da Romane é que foi bem exótica. Posso dizer que nessa não havia nada de salgadinho, docinho, música alta e nem mesmo um bolo. Havia, sim, muitos biscoitos, frutas, sucos, refrigerante(!), além de muita gente bonita, como vocês podem ver nas fotos a seguir

mais convidados

mais convidados

Conheci muitos outros amigos de Romane, como a Manu, que, por ter nascido em Portugal, me proporcionou o prazer de uma conversa em português.

7757442728_fa81c400b0_b

Lucas, Henry, Keanu e Frances

DSCN0563

Vicent, Louis e Audrey

Tracy e Francisco

Tracy e Francisco glowing in the dark

O objetivo era que todos dormissem em suas tendas, mas como o frio nos pegou desprevenidos, resolvemos, então, dividir os convidados entre o meu quarto, o de Romane e a sala:

no meu quarto

no meu quarto

Todo mundo sabe que quando um monte de jovens se reunem em um mesmo lugar, eles farão qualquer coisa que não seja dormir. Conosco não foi diferente: conversamos até por volta de 4h da manhã.

Um comentário sobre “party and bullshit lá em casa

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s